Chat

Online

Indique um amigo

Não sou um robô
3 dicas de inovação para sua academia

            Em mercados cada vez mais competitivos, diferenciar-se da concorrência se tornou requisito fundamental para ganhar mais clientes. Num cenário em que a tecnologia e o acesso à informação se tornaram disponíveis para praticamente qualquer tipo de negócio (não importa qual o tamanho deste), tornou-se um desafio encontrar maneiras de inovar e se destacar frente aos concorrentes.

 

            Com isso, a palavra inovação nunca ganhou tanta importância quanto agora. E quando se fala em inovação, não se trata de apenas a criar novos produtos e serviços. É preciso um olhar mais apurado para as diversas perspectivas que podem passar por um processo de inovação (como, por exemplo, capacitação de pessoas, otimização de processos, identidade visual, programas de recompensa e fidelidade, etc).

 

             Por isso, separamos 3 dicas de inovação para que sua academia possa começar a se destacar no mercado:

 

1. Desenvolva uma cultura de inovação na sua academia

 

            Antes de qualquer coisa, comece a criar um ambiente favorável à inovação. Não adianta encarar apenas esse processo como algo pontual. É necessário que a inovação faça parte da cultura de seu negócio.

 

            Para isso, é preciso ter em mente que todo processo inovador passar por falhas. Isso mesmo: esteja aberto a fracassos e aprenda a administrar os erros. Desanimar só irá enfraquecer o processo de implantação de uma cultura de inovação.

 

             Além disso, invista tempo em benchmarking (observando como empresas inovadoras trabalham).

 

2. Insira a inovação no contexto estratégico da academia

 

             Algo que vai ajudar a desenvolver um ambiente favorável à cultura da inovação é justamente entender que todo o seu negócio precisa estar alinhado estrategicamente para a inovação.

 

             É preciso pensar que inovar é muito mais que criar novos produtos, oferecer novas modalidades de atividades, etc. Muito mais que isso, se a prioridade do seu negócio for a inovação, suas equipes serão muito mais facilmente mobilizadas a aumentar o poder de criatividade e desenvolver novas soluções.

 

            Crie novos processos de atendimento, estabeleça novos programas de recompensas para seus funcionários, implante ferramentas tecnológicas que facilitem o processo de vendas (como a venda online), etc.

 

3. Comece pelas tendências

 

              Uma ótima de maneira de começar, além de observar o que as grandes empresas de diversos setores fazem, é mapear tendências do mercado. Uma tendência nada mais é do que algo que está se iniciando num determinado cenário.

 

             Pode ser um novo tipo de serviço lançado em outro país, algum equipamento novo ou até mesmo uma mudança de comportamento do consumidor. E tudo isso é possível de ser verificado através de uma ferramenta gratuita: o Google Trends.

 

             Nele você consegue identificar o que as pessoas estão procurando na internet em qualquer lugar do mundo. E essa é uma ótima maneira de perceber quais são as principais tendências que podem surgir no mercado.

 

              Inovar pode ser algo relativamente simples. Porém, deve ser uma prática constante de forma a entregar mais valor aos clientes, oferecendo novidades que satisfaçam suas principais necessidades e desejos.